Artigos Informática

Como limpar a placa-mãe

muito comum que as pessoas tenham dúvida sobre limpar ou não a placa-mãe. A resposta é que sim, você deve fazer a limpeza da sua placa-mãe. Isso porque, apesar dela ficar protegida dentro do seu gabinete, ela não fica imune de poeira e outros resíduos.

Esse excesso de resíduos pode impactar diretamente no seu funcionamento. Dessa forma, uma placa-mãe suja está muito mais sujeita a travamentos, desligamentos e até a algum dano mais fatal.

Para evitar isso, então, é preciso fazer essa limpeza da forma correta. Por isso, preparamos um guia completo para você limpar a sua placa-mãe e garantir a saúde do seu computador. Vamos lá?!

Abrindo o computador da forma correta

Em primeiro lugar, comece desligando o seu computador. Isso é vital tanto para a sua segurança quanto para a segurança da sua máquina.

Em seguida, retire todos os parafusos da parte traseira do gabinete usando uma chave philips. Aqui, uma dica importante é deixar todos os parafusos separados e identificados. Assim, você não corre o risco de perder algum deles. Feito isso, retire as tampas laterais que protegem o gabinete.

Para tocar nas peças internas, o ideal é usar uma luva anti estática. Dessa forma, você não corre o risco de danificar algum circuito com a eletricidade estática das suas mãos.

De qualquer forma, se acaso você não tiver uma luva, nem tudo está perdido. É possível eliminar a eletricidade das suas mãos com um objeto de metal. Para isso, você pode usar a própria carcaça externa do computador. Basta tocar nela por um minuto para, então, descarregar a energia.

Com o chassi do computador aberto, basta localizar a placa-mãe.

Desconectando os componentes da placa-mãe

O próximo passo é desconectar tudo que está ligado à placa-mãe. Uma dica importante, aliás, é fotografar a placa-mãe de todos os ângulos possíveis. Dessa forma, você vai ter um guia para montá-la novamente no final da limpeza.

De volta ao processo, você deve começar pelo cooler do processador. Usando uma chave de fenda, solte as travas que estão prendendo ele a placa-mãe. Em seguida, destrave cada uma dessas travas e desconecte o cabo de energia que o conecta à placa-mãe. Depois disso, retire todos os fios conectados.

Além disso, você vai precisar desconectar a fonte de alimentação. Nesse momento, muito cuidado é necessário. Isso porque estamos falando de uma peça pesada, que pode quebrar a placa-mãe caso seja solta de qualquer jeito. Por isso, segure ela com firmeza na hora de soltar os parafusos que prendem ela ao gabinete.

Por último, retire a placa de vídeo. Para isso, basta tirar os parafusos que prendem a placa-mãe e depois puxar ela. Sempre com muito cuidado.

Como limpar a placa-mãe

Pois bem, chegou, enfim, o momento de limpar a sua placa-mãe. Existem várias formas de limpar a placa-mãe e você pode fazer desde uma limpeza mais simples até uma limpeza mais completa utilizando todos os métodos. Tudo isso vai depender do estado que está a sua placa-mãe.

Limpando com o pincel

Pois bem, começaremos pelo pincel. Algumas coisas, no entanto, são importantes de serem pontuadas.

Em primeiro lugar, é necessário que seja um pincel de certas longas e macias. Assim, você não agride a placa-mãe. Em segundo lugar, ele deve estar totalmente seco. Afinal, umidade não é uma coisa que combina com circuitos.

Para fazer uma boa limpeza, inclusive, você deve fazer movimentos leves e delicados. O objetivo é varrer a poeira para fora da peça e não esfregá-la. Dessa forma, você pode passar o pincel por toda a placa-mãe, desde que faça isso com cuidado.

Lembre-se que o cuidado vale mais do que a velocidade, então tenha paciência e faça a limpeza com calma.

Limpando com álcool isopropílico

Muitas pessoas se questionam sobre o uso de álcool na hora de limpar a placa-mãe. A boa notícia é que sim, ele está liberado. No entanto, não estamos falando de qualquer tipo de álcool.

O único álcool que deve ser usado para limpeza de equipamentos eletrônicos é o álcool isopropílico. Isso porque ele não contém água, além de evaporar com mais facilidade. Aliás, o álcool de cozinha, ou álcool 70 como muitos conhecem, não é isopropílico. Esse é o álcool etílico, que você deve manter bem longe da sua placa-mãe.

De toda forma, com o álcool isopropílico em mãos, basta espalhar o produto pela placa. Se atente para usar uma quantidade que seja suficiente, mas que não seja exagerada.

Por fim, basta usar o mesmo pincel usado anteriormente para espalhar o álcool por toda a placa-mãe. Lembre-se, no entanto, de limpar ele antes do processo. Além disso, é preciso também esperar que o álcool seque completamente.

Limpando com o secador de cabelo

Outra alternativa é usar o secador de cabelo. Mas lembre-se, você nunca deve usar ele na função quente. Esses circuitos são sensíveis a altas temperaturas e esquentá-los pode acabar com a sua placa-mãe.

Ligado na função de vento frio, você vai precisar colocá-lo na função sobrar. Feito isso, basta passar o secador por toda a extensão da placa, mantendo uma certa distância.

Limpando com o limpa contato

A última e mais apropriada opção é o chamado limpa contato. Para quem não conhece, o limpa contato é um produto específico para limpeza de circuitos. Com ele, você consegue eliminar poeira, graxa e umidade de forma rápida e fácil.

Como ele vem embalado em uma lata de spray, basta dar um jato do produto em toda sua placa-mãe. No entanto, é preciso esperar que ele seque, o que acontece por volta de 30 minutos. Feito isso, basta ligar todos os cabos, reconectar os componentes e fechar o gabinete.

Fonte: https://bringit.com.br/blog/manutencao-de-notebook/como-limpar-a-placa-mae/

COMPARTILHE

ARQUIVO DE PUBLICAÇÃO

agosto 2022
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031